fbpx

Negativar inadimplentes está mais prático e rápido com o Aviso Eletrônico de Débito (AED)

A partir de outubro, os consumidores inadimplentes passarão a ser notificados de uma forma
diferente e mais moderna. A Boa Vista SCPC passará a enviar por e-mail o Aviso Eletrônico de
Débito (AED) a todos os inadimplentes inclusos em sua base de dados.

Com a mudança no sistema, o processo ficará assim:

1º) O inadimplente é notificado, por e-mail, com o aviso eletrônico (AED);

2º) Não havendo possibilidade ou confirmação de entrega do AED, a Boa Vista SCPC enviará a carta padrão, pelos Correios.

 

A implantação do AED visa modernizar e reforçar as comunicações de inadimplência,
aumentando a eficiência na recuperação de crédito. O comunicado enviado via e-mail
apresenta taxas de recuperação cerca de 30% maiores na comparação com a carta. Isso
acontece por vários fatores:

– Reduz o prazo de entrega do comunicado;

– Elimina o impacto de atrasos por eventuais greves e atrasos dos Correios;

– O serviço de negativação tem como concorrente o serviço de protesto em cartório, com a
vantagem de que é mais econômico.

Para começar a utilizar o Aviso Eletrônico de Débito na negativação de inadimplentes e dar um passo à frente na recuperação das contas de sua empresa, acesse o Sistema do Associado ACIB, clicando aqui.

Se você ainda não é associado, mas gostaria de saber mais sobre esta e outras vantagens de fazer parte de nosso time, clique aqui. 

Caso tenha alguma dúvida entre em contato com nossa Central de Atendimento pelo (11) 4198-8787.

 

Confira quais as principais vantagens da Negativação

  • Estimula o devedor a buscar alternativas para pagar a dívida, limpar o nome e não ser mais classificado como mal pagador.
  • Análise de crédito alertando outros empresários, comerciantes, varejistas ou atacadistas para evitarem conceder crédito para quem não tem condições ou intenção de pagar.

 

Informações necessárias

Para negativar um cliente através do Aviso Eletrônico de Débito (AED), é necessário que você tenha em mãos as seguintes informações:

Pessoa Física

  • Registro de devedor principal ou avalista;
  • Nome completo do devedor principal ou avalista;
  • Data de nascimento e nº do CPF;
  • Endereço completo do devedor ou avalista;
  • Valor e número do documento que originou o débito;
  • Data do vencimento;
  • Nome e código do usuário que promoveu o registro;
  • Identificação da Cidade e da Unidade da Federação por onde o usuário está efetuando a abertura do registro.

Pessoa Jurídica

  • Razão social da empresa devedora e o CNPJ;
  • Endereço completo da empresa devedora;
  • Data do vencimento;
  • Valor e número do documento que originou o débito;
  • Nome e código do usuário que promoveu o registro;
  • Identificação da Cidade e da Unidade da Federação por onde o usuário está efetuando a abertura do registro.

Compartilhar esse Post

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on print
Share on email

POSTS RELACIONADOS :