fbpx

Governos liderados por mulheres viram exemplo no combate ao Covid-19

Segundo reportagem da revista Forbes, em países como a Islândia, Taiwan, Alemanha e Nova Zelândia, que são governados por mulheres, as estratégias adotadas contra o Covid-19 tiveram maior êxito, em comparação a países com grandes economias e governados por homens.

A Alemanha, de Angela Merkel, tem taxa de mortalidade baixa, cerca de 1,6%. Na Itália, a taxa de mortalidade foi de 12% e na Espanha de 10%. Liderada por Jacinda Ardem, a Nova Zelândia, conta nove mortes depois de realizar testes em massa e fechar fronteiras rapidamente. A presidente de Taiwan, Tsai Ing-wen, adotou 124 medidas emergenciais antes de recorrer ao isolamento total e hoje contabiliza 393 casos e seis mortes. Já a Islândia, governada pela primeira-ministra, Katrín Jakobsdóttir, fez testes gratuitos em todos os cidadãos e registrou 1,7 mil casos, com apenas oito mortes.

Para a colunista do jornal Independent, Emma Burnell, “o importante não é a questão de gênero do líder, mas a habilidade do país de eleger o melhor candidato, independentemente do sexo”.

Compartilhar esse Post

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on print
Share on email

POSTS RELACIONADOS :